Multi-Funcional HP no CentOS (Review da instalação)

Pessoal,
recentemente comprei uma Multi Funcional HP Deskjet F4480 em uma bela ( 🙂 ) promoção no Extra. R$ 220,00
HP Deskjet F4480

Pois bem,
Vim para o escritório, abri a caixa, montei tudo direitinho e pronto.
* Lembre-se que essas HPs não vem com cabo USB. Portanto, se você for comprar um desses equipamentos, verifique se você já tem o cabo de alguma outra impressora velha ou compre um na loja.

Após plugar ela em uma das estações de Trabalho com Ubuntu, foi necessário atualizar o Hplip (software da hp para linux) e tudo funcionou.

No caso do CentOS, tive que atualizar algumas coisinhas básicas. Como alguns já sabem, o CentOS é uma distribuição baseada no RedHat Enterprise Linux e portanto, não vem com as últimas atualizações/versões dos softwares.
Caso você utilize outra distribuição, verifique na sessão de “manuais de instalação” do próprio site do HPLIP
http://hplipopensource.com/hplip-web/install/manual/index.html

Pondo tudo para funcionar.

1 – Pré requisitos
Para realizar a instalação, faz-se necessário ter a senha de root

2 – Resolvendo as Dependências
a – Ferramentas de Desenvolvimento
Acesse o menu “Aplicações”
em seguida, “Adicionar/Remover Programas”
Marque a caixa “Ferramentas de Desenvolvimento” e clique em Update.

b – Dependências do HPLIP
Abra um terminal e digite:
su -c “yum -y -d 10 -e 1 install cups cups-devel gcc-c++ ghostscript libjpeg-devel glibc-headers libtool libusb-devel make python python-devel PyXML openssl-devel net-snmp-devel policycoreutils-gui PyQt PyQt-devel dbus-python notify-python sane-backends sane-backends-devel sane-frontends xsane python-imaging python-imaging-devel”

c – Pre-instalação
No terminal e digite:

su -c “rpm -ev –nodeps libsane-hpaio”
su -c “rpm -ev hplip-gui”
su -c “rpm -ev hplip”
su -c “rpm -ev hpijs”

d – Crie um link simbólico para o libcrypto

su -c “ln -s /lib/libcrypto.so.0.9.8b /lib/libcrypto.so”

3 – Desabilite o SELINUX
ainda no terminal, digite
su -c system-config-securitylevel
Será solicitada a senha de root. Digite-a e você verá uma caixa com as opções:
Opções do Firewall e SELinux
Selecione a aba SELinux e na opção “Ajuste do SELinux” selecione a opção “Desabilitado”
Clique em Aplicar e depois em OK.

4 – Download do Hplip
Vá até o site do Hplip
e baixa a última versão do Hplip.
No momento em que escrevi este tutorial, a última versão era a 3.10.5
então, iremos utilizar a versão 3.10.5 como exemplo.

5 – Instalação
Supondo que o download do hplip já foi realizado e o arquivo encontra-se no seu desktop, faremos o seguinte:
a – abra um terminal
b – va até a pasta Desktop
digite no terminal: cd ~/Desktop
c – descompactar o arquivo
tar -zxvf hplip-3.10.5.tar.gz

será criada uma pasta chamada hplip-3.10.5
d – entre na pasta criada
cd hplip-3.10.5

e – Configure o hplip para instalação
Para o CentOS 32 bits (maioria dos usuário) digite o comando abaixo no terminal.
./configure –prefix=/usr –with-hpppddir=/usr/share/cups/model/HP –enable-qt3 –disable-qt4 –disable-hpcups-install –disable-cups-drv-install –disable-cups-ppd-install –enable-hpijs-install –enable-foomatic-drv-install –enable-foomatic-ppd-install –enable-foomatic-rip-hplip-install –disable-fax-build –disable-dbus-build –enable-network-build –enable-scan-build –disable-policykit

para o CentOS 64 bits digite este outro comando
./configure –prefix=/usr –with-hpppddir=/usr/share/cups/model/HP –libdir=/usr/lib64 –enable-qt3 –disable-qt4 –disable-hpcups-install –disable-cups-drv-install –disable-cups-ppd-install –enable-hpijs-install –enable-foomatic-drv-install –enable-foomatic-ppd-install –enable-foomatic-rip-hplip-install –disable-fax-build –disable-dbus-build –enable-network-build –enable-scan-build –disable-policykit

Caso não apareça nenhuma mensagem de erro, passe para o passo seguinte. Se ocorreu algum erro, verifique os passos anteriores.

f – Rode o comando make
No terminal, digite o comando
make
aguarde alguns minutos pois o comando pode demorar a executar completamente.
Caso não ocorra nenhuma mensagem de erro, passe para o passo seguinte. Se ocorreu algum erro, verifique os passos anteriores.

g – Instalação “propriamente dita”
no terminal, digite o comando abaixo:
su -c “make install”
Caso não ocorra nenhuma mensagem de erro, passe para o passo seguinte. Se ocorreu algum erro, verifique os passos anteriores.

h – Adicione seu usuário ao grupo lp (impressoras)
digite o comando abaixo no terminal
su -c “usermod -a -G lp username”
Obs: troque o username pelo nome do seu usuário.

Ex. se meu usuário é kram3r, o comando ficará
su -c “usermod -a -G lp kram3r”

Ok?
vamos ver!

desconecte o cabo usb da impressora, encerre a sessão (sistema -> sair) e entre novamente com seu usuário e senha.
Conecte o cabo usb da impressora.

Deverá aparecer um gerenciador de impressoras querendo configurar o equipamento em questão.
Cancele esta ação.

Vá até um terminal e digite:
su
Informe a senha de root

digite: hp-setup

Será aberto o gerenciador da hp
basta preencher os dados e testar a impressora e o scanner.

Se quiser ver imagens passo a passo deste processo, acesso: http://hplipopensource.com/hplip-web/install/manual/hp_setup.html

Lembrando que para utilizar o scanner, temos dois softwares exelentes!
o kooka e o xsane

Qualquer dúvida pode ser postada na área de comentários e irei responder o mais rápido possível.

Abraços!

Anúncios

6 comentários sobre “Multi-Funcional HP no CentOS (Review da instalação)

  1. kram3r ótima dica.
    Vou tentar a su sugestão de configuração. Depois de algum tempo tentando com os comandos do site da HP, eu já estava pronto para instalar o Fedora 13 sobre o meu Centos 5.5 Desktop.

    Um apergunta: você sabe como encontrar uma lista de todas as dependências de um aplicativo no sistema? Por exemplo, quero instalar o Ogtools e não ver aquelas inconsistências. Prefiro testar “no muque” antes de instalar.

    Abraço

    Arturo

  2. Arturo
    já tentou instalar o hplip? Ocorreu tudo certo? Manda retorno ok?

    Olha só, referente a tua dúvida sobre as dependências, geralmente no site dos desenvolvedores eles te informam sobre as dependências. Porém, se você instalou um software e o mesmo não funciona, pode-se verificar com o comando ldd qual a dependência que está faltando (libs). Ex. ldd /usr/bin/hpijs
    ele vai retornar uma lista das libs que o software hpijs (para impressoras hp) depende. Caso apareça algo como Not Found por exemplo, basta instalar essa lib e resolver o problema.

    Vale ainda, utilizar o Yum para instalação dos softwares. Porém, lembre-se que os softwares disponíveis para o CentOS baseiam-se no RHEL ou seja, não são os softwares mais atuais.
    Manda as ordens!

    • Olá kram3r.

      Eu consegui fazer a impressora funcionar. Até aí não é novidade, pois instalei um repositório que me forneceu os arquivos da HP. Algo como 3.10 HPLIP e hpijs. A impressão ficou lenta, mas é melhor que não ter impressão. Ao mesmo tempo estou com um cartucho de tinta preta praticamente vazio a impressão não foi das melhores. Portanto meu teste de impressão foi razoável, mas não posso afirmar que é culpa do sistema ou da configuração.

      O problema surgiu com o Xsane: não reconehce o scanner. Quando entro na linha de comando “hp-setup” retorna algo como “não há scanner conectado” (e, por favor, a coisa está ligada) e um aviso de que falta o arquivo “python-dbus not instaled”. Vou ter de ir atrás deste “cara”; depois retorno aqui e tento postar toda a peripécia.

      Desde que uso Centos – e já vão 5 anos – a impressão é uma dor de cabeça. Quando usei o scientificlinux 5.0 (que é um Centos modificado minimamente) levei um mês para fazer uma MP140 da Canon funcionar e escanear. Depois disto prometi a minha esposa – que quase me internou para curar o stress – que não comprava Canon e nem aceitava como presente. Veja só, comprei esta MP F4480 e não consigo scanear. As distribuições como Fedora, Suse, Ubuntu scanaeam e imprimem.

      Bem, voce vai se perguntar “este cara é pirado! Se as coisas fazem a maldita funcionar, deixa o sistema!” Bom, é que estamos falando de software livre que para mim significa “escolha o que melhor atende suas necessidades” e estas necessidades são intelectuais também: Ubuntu e Suse me deixam burro! É só click, click e não entendo nada. No ubuntu você tem que pedir “por favor, por favor, me deixa ver as mensagens do boot?” No Suse ocorrem coisas estranhas como fechar programa, travar, prompt com vida própria e a oferta de coisas que não me interessam como usuário. Logo prefiro estas distribuições “espartanas” como alguém comentou no Distrowatch. O Fedora eu suporto, ainda que me sinta um tanto bobo pois é “balão de ensaio” da Red Hat

      Como eu já termine iminha Tese de doutorado e Filsoofia (e não enlouqueci, de todo) ainda restou paciência. Vou tentar mais um pouco, depois coloco a MP140 de novo, depois só resta aceitar escanear pelo notebook (Windows 7) ou instalar o Fedora 13 (os Cd’s estão na mão).

      Não sei qual sua opinião sobre estas coisas, mas creio que a compatibilidade e a segurança andam em vias contrárias….quanto mais seguro, mais icompatibilidade…

      Abraço

      • Não consegui entender seu “nome/nick” mas vamos lá.
        Para entender um pouco minha vontade em “Unix” em geral, utilizo unix/linux/posix/bsd há pelo menos 27 anos e olha que tenho 30 anos 🙂

        Tenho problemas com impressoras desde 1994 quando meu pai comprou uma HP DeskJet 500C (aquelas que ou imprime preto ou colorido ou cartucho de foto) e ele já utilizava Slackware em suas primeiras versões. Desde aquela época as coisas não saiam muito bem mas sempre deu para utilizar.

        Uma solução interessante que encontrei para utilizar o scanner foi a seguinte:
        execute o comando ‘lpinfo -v’ como root para descobrir o deviceURI.
        root@maquina# lpinfo -v
        o resultado irá imprimir algumas linhas procure por uma linha o qual o conteúdo seja próximo ao abaixo

        hp:/usb/Photosmart_C4400_series?serial=BR8A7G2VZS95BW

        para testar o scanner. digite na linha de comando o seguinte:
        *lembre-se de trocar o hp:/ por hpaio:/

        xsane hpaio:/usb/Photosmart_C4400_series?serial=BR8A7G2VZS95BW

        O deviceURI pode ser encontrado no arquivo /etc/cups/printers.conf

        Avisa pra gente se funcionar!
        Dai a gente coloca ele pra funcioar pelo xsane direto sem ter que usar linha de comando ok?
        Abraços

  3. Caro kram3r.

    Depois de algum tempo tentando instalar os arquivos, tive de desistir. Não sei dizer se faltaram arquivos ou coisa parecida ou foi alguma “barbeiragem” minha. Como estou acostumado com o Linux é bem provável que eu tenha enviado algum comando errado. Já disse da outra vez que levei um mês para fazer uma Multifuncional scanear no Centos (i386) mas consegui. Desta vez me dei por vencido e preferi mudar o sistema (confesso que tive dó, mas…). Coloquei o Fedora 13 x86_64. Funcionou.

    Creio que suas sugestões (comandos, não podem ser sugestões? ou podem?) talvez sirvam para outros. Minha experiência mal sucedida não deve servir de desestímulo para os que chegarem aqui no seu blog. Principalmente por que creio que sua boa vontade deve ser incentivada.

    Agradeço sua tenção e espero que você continue a postar sua experiência com o Centos, pois isto ajuda muitas pessoas questão descobrindo agora (pasme!) que Centos é ótimo para Desktop.

    Mesmo assim, toda vez que vejo meu sistema, aina espero pelo boot do Centos.

    Abraço e felicitações pelo Bolg

    Arturo Fatturi

  4. O meu computador e o windows 7, e comprei esta multifuncional hp f4480, comprei o cabo usb e estalei o programa da hp, so que quando chega a hora de conectar o cabo, eu conecto, e aparece que o dispositivo usb não foi reconhecido, tirar copia ele tira, so não consigo imprimir nem scanear, eu fico tentando ate consegui conectar, quando consigo, aparece outra mensagens, que para ficar mais rapido conectar a uma porta hub em negrito, eu não sei o que fazer, daria para me ajudar.
    obrigado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s